Veja como se adaptar ao novo comportamento do consumidor

Leia em 3 min

Quer saber mais sobre o novo comportamento do consumidor e quais são as melhores práticas para adequar sua empresa? Leia e confira!

Para que sua empresa possa ter sucesso no mercado, é essencial se adaptar ao novo comportamento do consumidor.

De acordo com o estudo Global Consumer Pulse, da Accenture Strategy, 83% dos brasileiros preferem comprar de companhias que compartilham valores com eles.

Além disso, 87% esperam que as empresas sejam mais transparentes sobre os seus processos, inclusive sobre os produtos, testes em animais e condições de trabalho dos colaboradores.

Por fim, 76% afirmaram que suas decisões de compra são influenciadas diretamente pelos valores que a marca propaga, assim como pelos seus líderes.

Frente a todas essas mudanças, é essencial se preparar para atender o novo comportamento do consumidor. Leia o nosso post e saiba nossas dicas para isso!

Empresas que se adaptaram ao novo comportamento do consumidor: da jornada de transformação aos resultados

De um lado, temos um consumidor com acesso a informações sobre marcas, notícias, problemas ambientais, necessidades e a consciência de que o que compra é quase como uma escolha política por aquilo que ele quer ver no mundo.

Na outra ponta, temos a necessidade de mudar a nossa relação com o meio ambiente, de preservá-lo – o que significa impacto na nossa vida e das futuras gerações.

Nesse contexto, cabe às empresas encontrarem maneiras viáveis de transformarem seus processos para atender esta demanda da responsabilidade ambiental.

E se essa adaptação ainda parece um caminho cheio de dúvidas para o negócio em que você se encontra, a gente mostra para você que existem várias alternativas para agir para se adequar ao novo comportamento do consumidor!

Além da legislação da Política Nacional dos Resíduos Sólidos, que vem se consolidando e coloca em foco ações que serão exigidas das organizações, vale destacar que atitudes ambientalmente responsáveis são essenciais para a conexão entre a marca e esse novo perfil de cliente.

Já consegue enxergar o que seu empreendimento pode fazer por aí? Para deixar as possibilidades de adaptação bem claras e inspirá-lo, trouxemos algumas dicas simples que impactam muito na sustentabilidade e na sua comunicação.

Entenda o seu público

Esteja sempre conectado com a realidade do seu público, próximo a ele e entenda como oferecer os valores que são importantes para este consumidor dentro das atitudes da sua marca.

Pode parecer um processo muito complicado, mas não é. Para isso, deve-se observar a demanda e se adaptar para crescer.

Uma empresa parceira nossa, por exemplo, produz cosméticos veganos e cruelty free, e nasceu para atender aos profissionais da beleza e ser utilizada nos salões.

No entanto, o mercado tinha essa lacuna de produtos de boa qualidade, naturais, sustentáveis e acessíveis. Foi aí que a comunicação da marca, chamada Lola Cosmetics, passou a conversar com o usuário final dos produtos.

Ouvir os consumidores ainda é parte essencial da operação. A conexão que vai das embalagens até a comunicação nas redes sociais é sempre leve e bem-humorada.

Atenda diferentes consumidores

Outra dica nossa é: diversifique seu portfólio para acompanhar a mudança do comportamento do consumidor que ainda está experimentando essa transição para a consciência ambiental.

Desse modo, seu negócio impacta mais pessoas e colabora ainda mais com o planeta.

A responsabilidade ecológica das pessoas aumenta e, aos poucos, elas vão mudando seus hábitos de consumo e influenciando quem está a sua volta, não é mesmo?

Não é algo que ocorre do dia para a noite, mas sim por meio de uma transição.

Com o veganismo, o movimento é bem este: as pessoas aprendem e fazem escolhas possíveis, se tornando veganas ou não.

Foi compreendendo isso que a Beleaf, uma empresa parceira nossa, produz e entrega marmitas plant-based (com ingredientes apenas de origem vegetal) estendendo essa alimentação para todos aqueles que querem experimentá-la.

E para conquistar o público que caminha para um estilo de vida mais consciente e sustentável, ela agiu em várias frentes.

Além de utilizarem o selo eureciclo e realizar a logística reversa, a companhia conseguiu criar embalagens biodegradáveis resistentes às altas temperaturas do micro-ondas e do forno – e seu uso evita a necessidade de gastar água lavando louças.

Se você quer saber mais sobre esses dois cases de sucesso para iniciar a adaptação do seu negócio ao novo comportamento do consumidor, continue lendo e conheça essas duas empresas de perto no nosso post Desafios do empreendedorismo sustentável: Beleaf e Lola Cosmetics.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *