5 passos para comunicar a sustentabilidade da sua empresa efetivamente

5 passos para comunicar a sustentabilidade da sua empresa efetivamente

Se a sua empresa já é sustentável, faz diversos projetos de sustentabilidade e tem o selo eureciclo, meus parabéns! Mas se você não souber comunicar a sustentabilidade da sua empresa, então seu impacto positivo poderá ser limitado e deixará de capturar valor para a sua marca.

1 – Por que sustentabilidade?

O primeiro passo é entender por que ser sustentável é importante para você e a sua empresa. Qual é a história que vocês têm com a sustentabilidade? Já tentaram coisas parecidas no passado? Existe algum histórico recente que motive uma mudança?

Ter uma narrativa para um novo posicionamento ajuda muito a comunicar sua sustentabilidade. Pessoas se conectam com uma história que traga sentido para mudanças. E na comunicação da sustentabilidade isso é ainda mais importante. Mas lembre-se: a história deve ser real e contada com transparêncica. Marcas que invetaram histórias ou hiperbolizaram os fatos já tiverem sua imagem bastante denegrida.

Por que sustentabilidade? O que fazer sobre sustentabilidade?

2 – O que fazer sobre sustentabilidade?

Você tem que ter ações e iniciativas que você se orgulhe e que te diferenciam da mesmice do mercado. Sem bons assuntos e mensagens, não existe uma boa comunicação, só barulho. É muito importante que as mensagens de sustentabilidade sejam embasadas em fatos concretos e também auditados e certificadas por terceiros. Sem credibilidade, a comunicação é entendida como greenwashing e tem um efeito negativo no valor da sua marca, o contrário do que queremos.

Algumas opções de iniciativas de sustentabilidade com credibilidade são as certificações, como LEED, ISO, eureciclo, FSC e muitas outras. A vantagem dos certificados é que uma organização terceira que está falando sobre a sua sustentabilidade não é apenas você se gabando.

É importante ir além das ações de sustentabilidade que diminuem custos, elas são muito importantes e tem um impacto muito positivo. Mas todos que podem, já estão fazendo. Então, em questão de posicionamento de marca, não é algo tão relevante para a comunicação. Para que um investimento em sustentabilidade faça sentido para a sua empresa ele tem que atacar um tema que seja importante para sua empresa e seus colaboradores. Então pense bem nas causas que você vai trabalhar e se elas se alinham com a estratégia do seu negócio.

3 – Comunicar a sustentabilidade da sua empresa para quem?

A comunicação pode ser feita para colaboradores, fornecedores, parceiros, órgãos reguladores, sociedade ou consumidores. Cada um desses atores pode ter interesse na sustentabilidade da  sua empresa e, dependendo do seu negócio, mudar a percepção de um ator-chave pode criar muito valor para a sua marca.

Por exemplo, quando você comunicar a sustentabilidade da sua empresa de forma efetiva com órgãos reguladores, poderá diminuir pressões de fiscalização e evitar multas. Se sua empresa faz parte de uma cadeia de valor e seus produtos são usados por outra empresa, como uma fabricante de embalagens, então pode ser um grande diferencial competitivo se posicionar como sustentável para seus compradores, pois cada vez mais a transparência da cadeia de fornecimento é cobrada das marcas. E nem preciso falar dos consumidores, que cada vez mais valorizam a sustentabilidade. Portanto, pense estrategicamente em quem deve ser impactado pela comunicação da sua sustentabilidade e como você vai capturar valor.

Para quem comunicar a sustentabilidade?

4 – Como comunicar a sustentabilidade da sua empresa?

Você vai precisar escolher o melhor canal baseado no seu público. A seguir, você pode ver uma breve lista de canais e com quais públicos, geralmente, ele é mais efetivo:

  • Redes sociais: Consumidores, sociedade e colaboradores;
  • Relatório online: Colaboradores, fornecedores, parceiros e órgãos reguladores;
  • Embalagens e rótulos: Consumidores e sociedade;
  • Feiras e eventos setoriais: Consumidores, fornecedores e parceiros;
  • Eventos próprios: Consumidores, colaboradores, fornecedores e parceiros;
  • Comunicação no site institucional: Fornecedores, parceiros e consumidores se sua marca vende seus produtos pelo próprio site.

Com o canal e público para a sua comunicação da sustentabilidade já decididos, é muito importante usar a mensagem correta. Pense bem em: qual o impacto você quer ter no seu público-alvo? Qual a opinião que você quer formar? Além disso, é muito importante traçar uma estratégia de comunicação e planejar como ela será feita e com qual recorrência. Para criar a imagem de marca sustentável, é preciso relembrar, a todo momento, ao seu público-alvo suas atitudes sustentáveis.

5 – E agora?

Depois de começar a comunicar a sustentabilidade da sua empresa, é muito importante medir o seu resultado. Isso nem sempre é fácil de fazer de forma quantitativa, mas mesmo se a métrica for qualitativa, é essencial definir um objetivo claro, indicadores de mensuração e qual a meta esperada para o indicador. Assim, você saberá dizer se o resultado atingiu ou não a sua expectativa.

Medir o sucesso da comunicação é o fator chave para que você e a sua empresa sejam cada vez mais eficientes. Quando você captura valor de forma eficiente, aumenta o incentivo de ser mais sustentável. Então, tanto as finanças da empresa, quanto o meio ambiente, agradecem.

Comunicar a sustentabilidade da sua efetivamente cria valor para sua marca e ajuda a promover a sustentabilidade com bons exemplos. O relacionamento e alinhamento de valores com todos os atores da sua cadeia são cada vez mais importantes para o sucesso da sua empresa. Então, use a comunicação de forma efetiva para que a sustentabilidade seja um diferencial estratégico para a sua empresa.

Leia também: Como aumentamos nossos seguidores do Instagram 25x em um ano