Como aumentamos nossos seguidores no Instagram 25x em um ano

Como fizemos nosso instagram crescer 25x em um ano

Aumentar o número dos seus seguidores é um desafio, mas isoladamente esse número não diz muito. O que você pode fazer para realmente aumentar sua influência na rede?

Mais de 500 milhões de contas do Instagram em todo o mundo estão ativas todos os dias e, segundo dados da própria rede, 80% dessas contas seguem alguma empresa. Hoje, mais empresas utilizam o Instagram como um canal de conexão com o público do que o próprio Linkedin. Dados de empresas dos EUA, por exemplo, mostram uma adesão de 70% no Instagram contra 57% no Linkedin.

Isso significa que muita informação está sendo gerada para os consumidores, o que acaba se tornando uma grande competição pela atenção dos usuários. Além disso, considerando os novos algoritmos, cerca de 70% dos posts desse canal não chegam a ser visualizados, aumentando a necessidade de conteúdos interessantes que incentivem o engajamento.

Hoje queremos te contar o que a eureciclo fez para conseguir se sobressair no Instagram, apesar dos algoritmos e da grande quantidade de informação presente na rede. Em um ano, nos tornamos uma página de referência sobre sustentabilidade e reciclagem e o número de seguidores que tínhamos saiu de 970 para 25.900 . Foi um crescimento de mais de 25 vezes! E, para isso, contamos com:

  • um budget muito reduzido,
  • parcerias estratégicas,
  • conteúdos relevantes,
  • proximidade com o público,
  • muitos testes,
  • um propósito claro.

Um propósito claro

Começando pelo último ponto, o selo eureciclo tem um propósito muito claro de gerar impactos ambientais e sociais positivos através da sua atuação. A educação ambiental e a conscientização e empoderamento dos consumidores já era parte da nossa missão quando iniciamos nosso trabalho no Instagram. Portanto, grande parte do nosso conteúdo seria relacionado a esses assuntos, fortalecendo naturalmente o nosso Marketing Social.

O Marketing Social tem como objetivo influenciar o comportamento de indivíduos em relação a questões que afetam a sociedade, gerando não só movimentos mercadológicos mas também melhorias sociais, conscientização e oferta de maior valor agregado ao mercado. Através dele, as empresas podem assumir um papel proativo nos contextos em que se inserem e se posicionar em relação a determinadas causas, gerando transformações sociais que geram valor para as marcas, credibilidade e conexão com seus consumidores.

heróis da reciclagem

Não é necessário ser uma empresa de impacto para ter um Marketing Social forte. Qualquer empresa pode definir as causas com as quais se identifica e, assim, conectá-las com sua marca, criando ações, conteúdos e incentivos para apoiá-las e gerar impactos positivos na sociedade. Alguns exemplos são os bancos Itaú e Bradesco que oferecem bicicletas gratuitas em áreas urbanas para promover a sustentabilidade; a campanha da Skol contra o sexismo que já esteve presente na sua própria publicidade de anos atrás; o Projeto Nutrir, da Nestlé, em que nutricionistas treinam voluntários em creches e escolas públicas para melhorar a qualidade da alimentação das crianças e evitar o desperdício; campanhas da Boticário a favor da inclusão e representatividade do público LGBT.

marketing social

O propósito pode não ser visto como uma prioridade nas empresas, por ser difícil mensurar como ele impacta nos resultados e nas vendas. Mas, além de trazer um viés mais humano para a comunicação e mais visibilidade para a causa em questão, ele gera identificação e aproximação com o público que carrega o mesmo propósito. A empresa se torna porta-voz de algo maior, o que a posiciona como referência e fortalece positivamente a forma como é vista, trazendo consequentemente, mais crescimento nas redes.

Conteúdos relevantes

Como já dissemos, a quantidade de informações que rodam as redes sociais é imensa e, por isso, o seu conteúdo precisa ser realmente relevante para se sobressair. É claro que é importante comunicar sobre seus produtos, promoções e até mesmo contar um pouco sobre o que sua empresa faz. Mas esse conteúdo gera valor e é útil de alguma forma para as pessoas?

Para que você alcance novos seguidores e fidelize aqueles que você já tem, é preciso que você pense além da divulgação padrão dos seus produtos. Quais assuntos relacionados à sua empresa e ao seu setor você acha que podem ser interessantes para quem consome seus produtos? Como diferenciar esses assuntos, deixando-os com a cara da sua empresa? Afinal, você não quer ser mais uma conta no Instagram oferecendo mais do mesmo para seus seguidores, não é?

conteúdo relevante

Essa prática de gerar conteúdos e informações relevantes e valiosos relacionados ao seu negócio pode ser chamada também de Marketing de Conteúdo. Através dele, você consegue construir engajamento com seu público-alvo, criando uma percepção positiva da sua marca e aumentando a possibilidade de novos negócios.

Após definir os tipos de assuntos que você poderia tratar, você pode analisar como é o conteúdo já existente disponível na internet sobre esses assuntos. Esse benchmarking pode ser importante para gerar insights: o que já é falado? o que falta ser abordado? é possível ser mais transparente sobre esse assunto? é possível usar uma linguagem mais acessível/atraente sobre esse assunto?

conteúdo relevante

Com essa análise, busque criar conteúdos diferentes dos que já existem, adicionando o toque da sua empresa neles. Invista em diferentes tipos de conteúdos, como imagens, GIFs, enquetes, vídeos, stories e desenvolva campanhas recorrentes com esses conteúdos para maximizar o impacto deles.

conteúdo relevante

Proximidade com o público

Para manter os seus conteúdos relevantes, é importante estar perto do seu público para saber que tipo de conteúdo ele quer ler e de que forma ele quer que esse conteúdo chegue até ele. Às vezes você adora escrever textos super longos para contar curiosidades interessantíssimas, mas o seu público gosta mesmo é de imagens que passam a mensagem com poucas palavras. Essa falta de alinhamento pode ser uma das causas de um engajamento baixo. Já parou pra pensar?

Crie o hábito de analisar os dados de engajamento do seu perfil no Instagram. Quando sua empresa possui uma conta profissional na rede, é possível ter acesso a todos os insights e relatórios que o Instagram oferece. É só acessar seu perfil e clicar no símbolo de um gráfico na parte superior e então você encontra informações de quem é o seu público (gênero, faixa etária, localização), quais são os melhores dias para postar, os posts que tiveram mais alcance, impressões, likes e comentários, entre outras coisas. Isso pode te dar informações mais claras de quais conteúdos dão certo com seu público e quais não dão.

proximidade com o público

Além disso, é importante entender quem é o seu público (ou sua persona) e como é a comunicação dele nas redes sociais. Quanto mais próximo dele for o seu tom de comunicação, mais fácil será de atingi-lo. Lembre-se que não é preciso ser extremamente formal para ser profissional. É possível, por exemplo, construir uma linguagem amigável e informal, mantendo a sua postura de empresa.

Isso foi um grande diferencial da eureciclo. Através de um design jovem e atraente e uma comunicação divertida e informal, nós conseguimos reconstruir conteúdos antes considerados chatos (ou eco-chatos!) em uma nova forma de pensar, cool e necessária.

proximidade com o públicoproximidade com o público

 

Uma boa ideia para manter essa proximidade também é criar oportunidades para que o público interaja com a sua marca, sentindo-se parte dela. Foi assim que criamos a nossa “Caça ao Sorriso”, em que incentivamos os consumidores a compartilharem quando eles encontram o selo eureciclo em produtos que consomem. Perguntar a opinião deles em relação a assuntos dos seus posts ou até fazer sorteios para presenteá-los são formas de envolvê-los em uma participação mais ativa e não só de meros espectadores.

Parcerias estratégicas

Aqui desde o início nós buscamos trabalhar com influenciadores digitais, pois sabíamos da importância de ter pessoas com esse poder de divulgação do nosso lado. Como o nosso budget era bastante reduzido, nunca foi uma opção pagar por essas parcerias. Então, começamos a tentar da forma como podíamos: através de uma boa conversa!

Um dia percebemos que tínhamos alguns seguidores com grande potencial de influência. Eram pessoas que além de nos conhecer, apoiar nossa causa e engajar com nosso conteúdo, tinham também um grande número de seguidores e poderiam nos ajudar a espalhar esse movimento da sustentabilidade. Então, começamos uma conversa com essas pessoas pelas mensagens privadas do Instagram, e as convidamos para serem oficialmente apoiadores e embaixadores do selo eureciclo.

parcerias estratégicasparcerias estratégicas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para que elas conhecessem de perto o nosso trabalho, tivemos a ideia das caixas de produtos com o selo eureciclo. De um lado tínhamos diversas empresas certificadas com o nosso selo que gostariam muito de uma divulgação gratuita e do outro tínhamos influenciadores pequenos, médios e grandes que estavam dispostos a conhecer nosso trabalho e apoiar nosso movimento. Então começamos a enviar caixas desses produtos para esses influencers e eles começaram a falar sobre o nosso trabalho!

parcerias estratégicasparcerias estratégicas

 

 

 

 

 

 

 

 

Nesse caso, o propósito da parceria acabou sendo o grande responsável para que ela acontecesse, que era o de informar e envolver mais pessoas na causa da sustentabilidade. Foi uma forma de unir empresas e influenciadores por um propósito comum. Isso, além de gerar grande visibilidade para as empresas envolvidas, também gera um conteúdo relevante para o público daquele influenciador. Já está mais convencido de como o propósito é importante?

Budget reduzido

Isso não é exatamente algo que você precisa para fazer seu instagram crescer. É claro que quanto maior seu budget, mais coisas você pode fazer para expandir o seu alcance. Mas o intuito aqui é mostrar que isso não deve ser um limitante.

No início, sempre fazíamos anúncios de R$2, R$5 ou R$10 e isso, de alguma forma, complementava o trabalho que fazíamos de forma orgânica. Para otimizar nossos recursos, nós analisávamos os dados de engajamento dos nossos posts (sim, eles de novo!) e selecionávamos os 5 posts que tinham tido o melhor desempenho durante as duas últimas semanas. Depois, impulsionávamos esses posts com o budget que tínhamos disponível. Assim, nós tínhamos a certeza que estávamos apostando nossas fichas nos nossos melhores conteúdos.

Isso fez com que nossos bons conteúdos atingissem pessoas que ainda não nos seguiam e começou a aumentar, pouco a pouco, nossa brand-awareness (reconhecimento da nossa marca), trazendo mais engajamento e mais seguidores.

Muitos testes

Nós descobrimos que testar é sempre melhor do que supor.

Para fazer os impulsionamentos dos nossos posts, por exemplo, era necessário selecionar um público-alvo. No início, pensávamos que tínhamos um público ideal que adoraria ver nosso conteúdo, mas depois de alguns testes, descobrimos que esse público na verdade não trazia bons resultados. Somente depois de vários testes, chegamos a pelo menos dois públicos que sempre se engajam com nossos anúncios. Mas, ainda assim, isso não quer dizer que utilizaremos para sempre esses mesmos segmentos. Até hoje, continuamos testando novas hipóteses e buscando melhores resultados.

Tínhamos uma outra forte hipótese no início: de que não podíamos nunca repetir conteúdos, pois os nossos seguidores não gostariam disso e deixaríamos de ser relevantes. Mas um dia resolvemos fazer um teste e foi uma grande surpresa! Descobrimos que sempre existem pessoas que não viram o conteúdo da primeira vez (nem da segunda, nem da terceira…) e então a reciclagem de conteúdo passou a fazer parte do nosso planejamento. Claro que ela deve ser feita com cuidado e respeitando um período de intervalo entre os conteúdos repetidos, mas não deixa de ser válida!

A ideia aqui é abrir mão dos achismos. Sempre que surgir uma dúvida, ou se for necessário entender o comportamento dos seus seguidores para construir processos e ações mais conscientes e com mais intenção, faça um teste! Ele pode te ajudar nisso.

Número de seguidores e as métricas de vaidade

Não existe uma fórmula certa para fazer sua presença no Instagram crescer ou para atingir um número x de seguidores. Dicas e receitinhas estão aos montes por aí e essas que te trouxemos hoje foram somente as que funcionaram para nós. A partir dessas ações, nossos conteúdos começaram a ser disseminados pela rede por pessoas que simplesmente apoiavam e acreditavam na nossa mensagem. Isso gerou um crescimento orgânico, acompanhado dos impulsionamentos pagos, e quanto mais seguidores tínhamos, mais éramos divulgados por eles e, assim, mais seguidores conquistávamos. Tornou-se então um grande círculo de compartilhamento e, por isso, atingimos esse crescimento!

Mas é preciso ter em mente que esse numerozinho que a gente quer tanto que cresça é uma métrica de vaidade, quando vista isoladamente. Afinal, do que adianta ter milhares e milhares de seguidores, quando aqueles que realmente acompanham suas postagens, apoiam suas causas, trazem vendas ou acreditam na sua marca são algumas poucas centenas?

Mais importante do que ver seus seguidores aumentarem 25 ou 50 vezes, é entender o que você quer que isso traga para a sua empresa e qual o valor que ela pode gerar para todas essas pessoas em troca. Assim, a gente constrói uma relação de ganha-ganha e substitui as métricas de vaidade por métricas de resultados positivos e impacto real.

Quero receber dicas de como ser uma marca mais sustentável e transparente!