Sustentabilidade nas empresas: Ovos Mantiqueira

Quer conhecer a gigante de ovos do Brasil e suas estratégias de sustentabilidade para lidar com as principais problemáticas ao mesmo tempo que traz valor para o produto e marca? Confira nosso artigo!

Entender como grandes empresas lidam com a sustentabilidade é um desafio. E não sem razão: poucas empresas tradicionais incorporaram valores sustentáveis com autenticidade e eficiência e esse é o caso da Ovos Mantiqueira.

Nessa conversa a Amanda Pinto, gerente de marketing e inovação e filha do fundador da marca, nos revela as principais soluções sustentáveis criadas pela Ovos Mantiqueira, para lidar com os principais desafios da marca.

Benchmarkings como esse, mostram o quão possível é readequar um modelo baseado apenas no crescimento econômico para um modelo baseado no desenvolvimento econômico.

Dá uma olhada!

Amanda, quais os maiores desafios e experiências ligadas a sustentabilidade nos processos da Mantiqueira?

“Acho que um dos maiores desafios é que por sermos um grande produtor de ovos, temos muitas galinhas e logo, temos MUITO cocô de galinha. Para lidar com isso de forma positiva que beneficiasse o meio ambiente, passamos a adotar o seguinte processo: levamos para um outro local, onde se faz a compostagem e isso se torna um fertilizante muito rico para o solo em que inclusive é certificado como orgânico.

Um problema que seria um passivo ambiental acabou se tornando um outro negócio para nós ao mesmo tempo que fará bem para o meio ambiente.

Esse é um dos exemplos, mas uma outra ação muito importante que temos é em relação a estação de tratamento de água. Em uma das nossas unidades a gente capta a água do rio, utiliza, e devolve a água para o rio mais pura do que a gente captou. O diferencial nesse processo é que devolvemos sempre um ponto acima do local onde captamos, para garantir que ela é realmente pura, pois iremos captá-la novamente.”

E como vocês enxergam a importância das ações sustentáveis promovidas?

“O retorno é principalmente com relação à marca. Você se posicionar como uma marca do bem, que não está preocupada só em retirar recursos do meio ambiente, mas que está preocupada em fazer com que as coisas aconteçam da melhor forma possível não só para a empresa, mas para as comunidades do entorno, para o meio ambiente e para todas as gerações que estão por vir.”

Vocês sentem um maior carinho pelas pessoas nas redes sociais por conta desse engajamento?

“Com certeza, a gente acaba gerando fãs, as pessoas gostam muito de ver a empresa preocupada com isso e se surpreendem ao ver uma empresa grande fazendo isso.

Estão acostumados a ver empresas pequenas com uma pegada sustentável, aí vem a Mantiqueira que é uma empresa que existe há 31 anos e que consegue olhar para a sustentabilidade.

Esses tempos, por exemplo, lançamos o ovo vegano, e isso tudo, prestar atenção nos detalhes, vai fazendo as pessoas se ligarem no quanto é legal uma empresa que se preocupa tanto com os aspectos ambientais.

Inclusive, fomos fazer a entrega de um cheque para o projeto Pro Criança Cardíaca. A renda desse cheque advém de um produto onde 10% da receita que temos com ele é revertida para a uma instituição beneficente.”

Como vocês fazem para implementar ideias inovadoras e sustentáveis?

“Acho que temos a sorte de um presidente que é super sensível a essas causas. Tendo alguém que acredite e que se disponibilize para desenvolver o projeto, ele investe. Não é tão díficil.”

Existem outras ações sociais?

“A mantiqueira ajuda as comunidades onde temos as unidades produtivas. Por exemplo: uma que temos no sul de minas, nós damos todo o apoio para a escola municipal, damos o uniforme, fizemos uma sala de informática e oferecemos aula de esportes como judô. E em uma outra unidade construímos uma brinquedoteca. São ajudas pontuais, específicas para as necessidades daquela região.

E tem um outro projeto muito apaixonante que se chama ALEM (Aprenda Ler Escrever Mantiqueira). Ele surgiu pois tínhamos muitos funcionários analfabetos e criamos esse projeto para eles aprenderem a ler e a escrever.

No final, é muito legal ver funcionários que até há pouco assinavam o documento com a digital e agora já sabem escrever o nome. E essa questão é muito mais profunda: quando perguntamos: “Para que você quer aprender?” e eles respondem: “Quero tirar uma carteira de motorista”, é aí a gente vê o quanto não saber ler limita.”

Como vocês enxergam o consumo consciente?

“Nós encaramos como um caminho sem volta. Cada vez mais as pessoas vão ter acesso à informação e vão querer saber tudo que está por trás daquilo que elas consomem e é por isso que queremos mostrar coisas positivas. Pois é o correto que as pessoas busquem mesmo as informações e queremos que elas encontrem o que a gente faz de positivo.”

Nesse sentido, o que significa o selo eureciclo para vocês?

“O selo eureciclo reforça nosso posicionamento de cada vez mais estar buscando uma solução de forma sustentável e impactar de forma positiva o meio ambiente e a sociedade.”

Os funcionários da mantiqueira são incentivados a adotar posturas sustentáveis para além do trabalho?

“Toda quarta feira acontece o PIU (Papo de Integração e União), onde as unidades param em um horário específico por meia hora para discutir sobre algum tema. É uma forma de comunicar para a empresa inteira, de uma forma precisa e rápida. Cada gestor faz isso com a sua equipe e levamos mensagens sustentáveis para conscientizar as pessoas.

Por exemplo, no dia da água, falamos sobre redução do consumo de água. Falamos também sobre o descarte correto na coleta seletiva. Inclusive temos um programa bem legal de combate ao desperdício, o nome é Prato Limpo.
Nesse projeto, fazemos desafios para reduzir o desperdício de alimentos, para que as pessoas só se sirvam daquilo que de fato forem comer e pesamos diariamente o lixo. No final do mês fazemos uma contagem e vemos o quanto foi desperdiçado. Então, sempre há uma meta para diminuir esse valor e batendo essa meta eles ganham uma sobremesa, ganham um retorno.”

E para fechar nosso papo, qual o futuro da mantiqueira?

“Continuar trabalhando para servir nossos clientes da melhor e mais sustentável forma possível.

E continuar sendo esse veículo que ajuda a conduzir aos sonhos. Acho que temos uma chance única de utilizar nossa grande escala para impactar positivamente o meio ambiente e sociedade, e esse é o objetivo, tanto meu quanto dos sócios.”

***

É incrível ver empresas engajadas com o aspecto ambiental e social que nos rodeia.

E a sua empresa? Quais ações sustentáveis promove? E quais ela poderia começar se inspirando nesse papo incrível com a Amanda da Mantiqueira?

Se você ainda tem dúvidas, deixamos um material abaixo cheio de dicas!

4 passos para adotar a sustentabilidade corporativa na sua empresa